A importância do hábito da higiene bucal

28/03/2016

Acredita-se que o hábito da higiene oral já era praticado pelos sumérios no ano 3000 a.C..Em algumas escavações arqueológicas, na cidade-estado da antiga Suméria, hoje, região do Iraque, encontraram palitos de dentes decorados, feitos em ouro, o que nos indica um certo interesse dos povos da época quanto à higiene bucal. No entanto, os cuidados com a saúde bucal alcançaram o seu auge, no século XVIII, quando Pierre Fauchard, um famoso dentista francês, revolucionou o tratamento dentário, ao aprimorar os instrumentos odontológicos, bem como as técnicas exigidas a um bom profissional.

Atualmente, a higiene bucal é o melhor meio de prevenção contra cáries, gengivite e periodontite, além prevenir a halitose, ou seja, o mau hálito. Em outras palavras, a higiene bucal é necessária para todas as pessoas manterem a saúde de dentes e boca.

A associação da escovação dos dentes com o uso do fio dental evita o acúmulo das placas bacterianas e do tártaro dentário. Caso contrário, surgem as cáries. Entretanto, os cuidados preventivos devem ser diários, para que tais problemas não venham afetar a sua saúde bucal e o seu bem-estar.

Para obter orientações a respeito das melhores técnicas de escovação e do uso do fio dental, deve-se consultar um dentista de confiança. Da mesma forma, cabe a este profissional da saúde bucal recomendar uma limpeza profunda dos dentes, preferencialmente, de seis em seis meses. Já o exame de rotina dos dentes deverá ocorrer, pelo menos, de ano em ano.

O tempo mínimo para a escovação dentária são dois minutos, isso sem falar da escovação da língua, pois esta pode ser depósito de bactérias e restos de comida, o que pode gerar infecções e mau hálito. O creme dental mais indicado para uma perfeita escovação é o que possui flúor em sua composição, porém, na quantidade adequada para cada idade, já que, em excesso, pode causar a fluorose dentária em crianças.

Quanto ao uso do fio dental, deve-se usá-lo antes da última escovação diária, pois este auxilia na eliminação dos resíduos de alimentos que não puderam ser retirados com as cerdas da escova de dentes. Por falar em escova de dentes, esta deve ser trocada de três em três meses, se for devidamente seca e adequadamente acondicionada. Caso contrário, o período de validade da escova só irá diminuir, tendo esta de ser trocada imediatamente.

Em suma, a higiene bucal é imprescindível em todas as etapas da vida. Mesmo quando bebê, deve-se passar gaze em suas gengivas para a eliminação dos resíduos alimentares, além de prepará-las para o surgimento do primeiro dentinho. Esse hábito preventivo só trará ganhos futuros e sua saúde bucal agradece!

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT, elaborados pelo CPT - Centro de Produções Técnicas, entre eles os cursos Capacitação de Auxiliar de Consultório Dentário  - ACD ou ASB e Como Montar e Administrar um Consultório Odontológico.

Fonte: Centro de Produções Técnicas

Notícias recentes

Ponha no prato alimentos que deixam dentes e gengivas saudáveis

05/07/2016

Escovação, aliada à dieta, promove mordida mais forte e sorriso mais branco

Veja mais

Coisas que seu dentista sabe ao examinar sua boca

20/06/2016

Embora muita gente tente, não dá pra enganar o dentista.

Veja mais

15 alimentos que mancham os dentes

10/05/2016

Nada chama tanto a atenção quanto um sorriso branco e radiante!

Veja mais